Delferino Angelo Strapazzon (em memória)

Primogênito de 14 irmãos, Delferino nasceu em 28 de maio de 1939, em Vila Oeste, Guaporé, hoje União da Serra, no Rio Grande do Sul. Aos 10 anos ingressou no Seminário. Mais tarde desistiu de ser padre.  Instalou-se em Chapecó no ano de 1964. Na época, comentava-se que Chapecó era a terra de progresso, de futuro, um tronco rodoviário da região. “Lá, no Rio Grande, era uma safra de milho por ano. Aqui, se falava em duas safras, a gente achava que era uma coisa extraordinária”, lembra.  Foi agricultor, líder comunitário ativo, envolveu-se em sindicatos, igreja e cooperativa. “Eu estive presente na inauguração da pedra fundamental da estrutura da Fernando Machado, e fiquei pensando… o que vai ser da cooperativa? Pelo jeito vai ser uma potência. E foi o que aconteceu, cresceu e se expandiu. Eu fico bobo com o tamanho que a Alfa atingiu. Me sinto orgulhoso de ter participado com um tijolo para este edifício Alfa”.  Casou com Neli Sgarbossa Strapazzon, com quem teve sete filhos. Residiu em Nova Itaberaba, Santa Catarina, até seu falecimento, em 20 de julho de 2019.