Paulo Roberto Marzarotto

Paulo Roberto Marzarotto nasceu em 09 de julho de 1950, em Caçador, SC. É o terceiro de onze irmãos. Em 1954, a família mudou-se para São Carlos, SC. Seu pai Antônio era comerciante e foi um dos fundadores da Cooperativa Central Aurora, além de ter sido fiscal de posto da Cooperalfa de 1976 até 1994. Paulo trabalhou como balconista, auxiliar de escritório e músico. Em 1975 ingressou na Cooperalfa, no setor de cadastro e financiamento dos associados. Em janeiro de 1976, assumiu a função de auxiliar de escritório em Caxambu do Sul onde, em 1978, assumiu a gerência. Permaneceu por lá até 1992, quando se tornou fiscal de postos. Nessa função permaneceu até 2009, quando se aposentou.  Paulo lembra que, bem antes da fundação, Aury falava da ideia de criar uma cooperativa de crédito.  “O Aury viajava e viu o cooperativismo de crédito europeu que deu certo, que proporcionava crédito acessível. Como um grande vendedor de ideias, convenceu todos nós a pegar junto no projeto”. Ele aponta que Elói Frazzon também foi muito importante na criação da Credialfa. “Além de conhecer de cooperativismo, ele escrevia bem, todos os estatutos era ele quem fazia”.   Marzarotto lembra que cada filial da Alfa abriu um “postinho” de trabalho para a Credialfa. “Tanto para os pagamentos da Alfa quanto da Credialfa, a gente ia pegar dinheiro na matriz e levava em sacos de estopa até a filial”. Para ele, “o sistema cooperativista ajuda a desenvolver o país. Minha satisfação é ter ajudado duas cooperativas a decolar, e maior satisfação ainda em ver que outras pessoas continuam nosso trabalho. E do Sicoob, é ótimo saber que ajudei a criar uma instituição que proporciona trabalho a muitas pessoas e que tem sinceridade no que faz”.  Paulo casou em janeiro de 1976, com Marinês Danielli Marzarotto, com que teve três filhos: Fábio, Caroline e Leonardo.  Com a conta número 24 da Maxi, ativa, Marzarotto reside em Chapecó – SC.